Como a genética está mudando o que entendemos por “raça”

Por David Reich* Em 1942, o antropólogo Ashley Montagu publicou “O Mito Mais Perigoso do Homem: A Falácia da Raça”, um livro influente que defendia que a raça é um conceito social sem nenhuma base genética. Um exemplo clássico, frequentemente citado, é a definição inconsistente de “negro”. Nos Estados Unidos, historicamente, uma pessoa é “negra” […]

Leia mais