Como “intelectuais” franceses arruinaram o ocidente: pós-modernismo e seus impactos, explicados

O pós-modernismo representa uma ameaça não só à democracia liberal, senão à própria modernidade. Isto pode soar ousado ou até hiperbólico, mas a verdade é que o conjunto de ideias e valores nas raízes do pós-modernismo rompeu os limites da academia e ganhou grande poder cultural na sociedade ocidental. Os “sintomas” irracionais e identitários são

O estado deplorável da ciência psicológica

“Este livro nasceu do que eu só posso descrever como uma profunda frustração pessoal com a cultura de trabalho da ciência psicológica… As janelas estão sujas e opacas. O telhado tem goteiras e não vai conseguir manter a chuva de fora por muito tempo. Monstros vivem nas catacumbas… Depois de passar 15 anos na psicologia

Seria a interseccionalidade uma religião?

Eis o último atentado contra a democracia. Aconteceu há mais de uma semana, mas não consigo tirar de minha cabeça. Um grupo de estudantes conservadores da Middlebury College em Vermont, Estados Unidos, convidou o controverso autor Charles Murray para palestrar no campus sobre seu último livro, Coming Apart. Sua palestra foi interrompida, em seu lugar

Cientistas descobriram o que faz as pessoas rejeitarem a ciência, e não é ignorância

Muita coisa aconteceu em 2016, mas uma das maiores mudanças culturais foi o surgimento das chamadas fake news (notícias falsas) — onde alegações sem quaisquer provas (por exemplo, de que a Terra é plana) são compartilhadas como sendo fatos comparáveis a conclusões baseadas em evidências, resultados revisados por pares (por exemplo, a conclusão de que a mudança

O fundo de verdade na história da maçã de Isaac Newton

É uma das anedotas mais famosas da história da ciência. O jovem Isaac Newton está sentado em seu jardim, quando uma maçã cai em sua cabeça e, num lampejo de genialidade, ele de repente inventa sua teoria da gravidade. A história é quase certamente enfeitada, tanto por Newton quanto por gerações de contadores de histórias

“Estamos ensinando mentiras a universitários” – Uma entrevista com Dr. Jordan Peterson

Jordan B. Peterson é um experiente psicólogo, pesquisador e terapeuta canadense. Nesta entrevista, conta como veio a se rebelar contra o que vê como autoritarismo politicamente correto de ativistas de sua universidade (U. de Toronto) e de seu país, e contra um projeto de lei que torna obrigatório o uso de pronomes inventados para pessoas

Fui um adolescente misantropo

Quando eu era um adolescente, eu tinha antipatia por todos os seguintes: estudantes que não fossem CDF’s, fãs de heavy metal, pessoas que não gostassem de música clássica, drogados, atletas, cheerleaders, todos exceto dois dos meus professores, colecionadores de carros, fãs de esportes, fumantes, quem bebesse, adultos que não fizeram curso superior, crentes religiosos (especialmente

Por que existe a Guerra na Síria? Se você perguntou ao Google, nós respondemos.

por Guido Olimpio*, em Corriere della Sera, em 26/10/2016 As principais perguntas pesquisadas no Google sobre a Guerra na Síria, respondidas em sequência pra você. Quando se iniciou a crise? Em março de 2011 explodiu uma revolta popular contra o regime guiado por Bashar al-Assad. As manifestações de protesto desencadearam uma repressão feroz e a

Os 10 maiores benefícios de ser ateu

por Paul Ratner*, em Big Think, 19/04/2016 Embora o número exato seja difícil de definir, estima-se que 13% das pessoas do mundo se identifiquem como ateias. Enquanto acreditar ou não em um Deus é uma escolha pessoal complexa, há um crescente corpo de evidências que aponta para certos benefícios de ser um ateu. Ser um

Razões Apolíticas para Odiar Política

por Bryan Caplan*, em EconLog, 27 de setembro de 2016. Eu odeio política. Parte do motivo, para ser honesto, é que eu sou um libertário, e opiniões libertárias não têm quase nenhuma influência no mundo da política. Os libertários não apenas perdem toda eleição; os artífices de políticas normalmente rejeitam sumariamente nossa posição. Os libertários